fbpx

O Que é Marketing Digital?

Nas últimas décadas, o marketing digital explodiu. A razão: ofereceu muitos benefícios às empresas, ao mesmo tempo que deu respostas personalizadas ao comportamento do consumidor.

O que é marketing digital?

Marketing digital refere-se a todas as ações de marketing que usam canais de comunicação digital para promover uma marca ou produto.

Ao contrário do marketing tradicional, o marketing digital coloca o cliente no centro da sua estratégia. O seu objetivo é:

  • Trazer tráfego para os meios digitais da empresa (site, aplicativo móvel, redes sociais…);
  • Converter visitas em compras;
  • Fidelizar os clientes;
  • Desenvolver a relação com o cliente;
  • Aumentar a notoriedade da empresa e melhorar a imagem da marca.

O marketing digital é tão amplo que está ao alcance de todas as empresas, independentemente do tamanho e da área de atividade. Por outro lado, as estratégias de marketing digital não são iguais de uma empresa para outra.

No setor B2B, o marketing digital se concentra na geração de leads e, em seguida, passa o controle para a equipe de vendas. Por outro lado, numa empresa B2C, a estratégia de marketing digital visa atrair os usuários da Internet para o seu website e transformá-los diretamente em clientes sem passar por um representante de vendas.

Marketing digital na prática

Na verdade o marketing digital se trata de um conjunto de práticas com o objetivo de promover empresas, gerar leads e reter clientes por meio de mídias digitais, como sites, mídias sociais, SEO, marketing de entrada, dados, marketing local e várias campanhas de e-mail.

Assim, todas as alavancas digitais são implementados no marketing digital. Todas as áreas de atividade agora o integram em sua estratégia graças aos benefícios reais que ele proporciona. Não só cria uma relação de proximidade e confiança entre o fornecedor e o cliente, como também permite sondar as exigências dos consumidores, para melhor satisfazer as suas necessidades e resolver os seus problemas.

Acessível em termos de orçamento e com custos adequadamente controlados, o marketing digital dá às empresas a oportunidade de realizar ações mais interessantes, mas rentáveis. Abrindo-se em um mercado colossal, o digital se dirigirá a uma ampla gama de clientes a qualquer momento. Todas as marcas poderão, portanto, exibir, expandir sua imagem e aumentar sua visibilidade nas mídias sociais e nos mecanismos de pesquisa.

Em suma, o marketing digital reúne práticas de comunicação baseadas na internet e que se adaptam a todas as telas, bem como a todas as plataformas que integram a comunicação digital. Portanto, é necessário digitalizar todos os meios de informação, considerando ao mesmo tempo uma comunicação corporativa.

Por que você tem que aderir ao marketing digital o quanto antes?

Rapidamente se tornou uma questão estratégica em todas as empresas, o marketing digital inclui muitas vantagens. Se quiser compreender o mercado internacional ou desenvolver os seus negócios, pode implementar as ferramentas digitais para atingir os seus objetivos.

O marketing digital pode disparar a sua notoriedade. Um site voltado para a conversão lhe dará sempre mais visibilidade. E os artigos de blog interessados nos problemas dos usuários da Internet sempre ganharão a atenção do público. Quanto mais você for visto na web, mais visível você será e seu SEO não sofrerá!

Por fim, o marketing digital, ao contrário do marketing tradicional, visa adquirir clientes em potencial com o objetivo de atraí-los de forma voluntariamente, pelo simples fato de estarem interessados no seu negócio. 

Portanto, você deve atraí-los, convertê-los, levá-los ao compromisso, mas também fidelizá-los. O objetivo do marketing digital é, portanto, atrair clientes em potencial de qualidade e ganhar tráfego em seu site. Dada a complexidade das diferentes alavancas, as agências de marketing digital reúnem todas essas habilidades para aproveitá-las para seus clientes.

Os componentes do marketing digital

O marketing digital busca englobar atividades de indexação de conteúdo com SEO, tráfego pago, social media, inbound marketing de uma forma que todos façam parte de uma estratégia completa que possa atrair os cliente em potencial de todos os lados. Cada uma destas atividades podem ser executadas de forma individual também sem a necessidade de estar ligada a outras. Tudo vai depender do quanto pode ser investido e do negócio que será divulgado.

Uma estratégia de marketing digital é baseada em uma infinidade de mídias na internet e plataformas digitais. A escolha destes canais deve ser bem pensada para alcançar os resultados desejados. O principal é ir onde o alvo está predominantemente presente.

Website como centro das estratégias

Em muitos aspectos, o site de uma empresa é o centro de suas ações de marketing digital. É difícil falar de marketing online sem mencionar este canal. Na verdade, é em seu site que os usuários encontrarão informações sobre sua marca e seus produtos. 

É também neste espaço que os clientes-alvo comprarão ou entrarão em contato com ele. E é especialmente neste lugar que eles vão conhecer sua empresa. É por isso que é importante cuidar do design, arquitetura e conteúdo de um site.

Outro detalhe muito importante é que um site não se trata de um espaço alugado onde outras pessoas ditam as regras e fazem mudanças constantes como no Facebook e Instagram. É como se fosse a sua casa própria na internet.

Blog

O blog é uma ferramenta complementar ao site. Manter um blog é do interesse em dar crédito à sua empresa. Ao publicar artigos regularmente, você destaca sua experiência, ao mesmo tempo em que dá uma imagem séria e dinâmica à sua marca. Cada artigo postado pode melhorar sua visibilidade na web e, em última análise, trazer novos clientes em potencial.

Aplicativo móvel no marketing digital

O aplicativo móvel desempenha um papel estratégico no marketing digital. A razão? Isso porque os usuários da Internet atualmente tendem a se conectar à Internet via smartphone do que em computadores. O aplicativo móvel é, portanto, um ótimo canal para se aproximar de seus alvos e atender às suas necessidades.

Nesse caso não é necessário que o seu negócio tenha um aplicativo próprio e sim que esteja presente nesses aplicativos através dos anúncios.

Redes Sociais

As redes sociais são uma forma estratégica de construir as bases certas para a reputação. Este é um ecossistema digital que integra de certa forma uma estratégia de conteúdo da empresa, porque um fornecedor sempre amplificará os valores da marca embarcando em uma comunicação imprudente. Com o estabelecimento de diálogo e intercâmbio com os consumidores, o marketing social é uma ferramenta infalível na comunicação digital.

Marketing digital móvel

É sem dúvida o que traduz o marketing digital, porque destaca a vida cotidiana dos consumidores. Você leva seu smartphone com você todos os dias. E com essas pequenas ferramentas, você faz sua pesquisa, pergunta sobre esta ou aquela oferta que pode resolver seus problemas. 

Os anunciantes devem, portanto, ter o primeiro reflexo de que o marketing digital começa com o marketing móvel, ou seja, para tratar os clientes adequadamente, para centralizar as ações de comunicação. Você deve então adicionar outras dimensões, como geolocalização, aplicativos móveis, etc.

Marketing de conteúdo e Inbound Marketing

O marketing de conteúdo baseia-se na criação e publicação de conteúdos de qualidade para atrair tráfego, adquirir leads, informá-los e convertê-los em clientes. Pode ser, entre outras coisas:

  • Postagens de blog;
  • Depoimentos de clientes;
  • Infográficos;
  • Publicações nas redes sociais;
  • Vídeos tutoriais;
  • Newsletters;
  • e-Books.

A força do marketing de conteúdo depende da relevância e do valor acrescentado dos tópicos abordados. Estes devem ser escolhidos de acordo com o tipo de informação que possa interessar aos usuários.

SEO (Search Engine Optimization)

Ter um site é inútil até que ele seja visível na web. É aqui que entra o SEO (Search Engine Optimization) ou (Otimização Para Mecanismo de Busca). Um poderoso canal de tráfego, o SEO visa colocar o seu site na primeira posição nas páginas de resultados dos motores de busca. Em outras palavras, essa técnica visa otimizar o conteúdo do seu site para o Google, Bing, Yahoo…

Para fazer isso, o SEO é baseado em alguns elementos fundamentais:

  • A qualidade do conteúdo;
  • Responsividade;
  • Velocidade do site;
  • Distribuição de palavras-chave;
  • Sitemap (estrutura do seu site e páginas);
  • Backlinks

Embora o SEO seja gratuito, os resultados só serão palpáveis depois de um longo tempo. Já o tráfego pago então vem apoiar a estratégia de marketing digital para levar à visibilidade imediata.

Tráfego pago

O Tráfego Pago consiste em comprar links de publicidade para serem exibidos no topo das páginas de resultados dos mecanismos de pesquisa. Nesse caso os anúncios do Google Ads são os mais conhecidos nesta área. Estes são cobrados pelo número de cliques (CPC).

Mas também existe o Facebook Ads, que nos permite divulgar tanto no Facebook quanto no Instagram.

Publicidade nas redes sociais (SMO)

Para além do SEO, é também possível lançar campanhas publicitárias nas redes sociais. As empresas de sucesso investem um grande orçamento para gastos com publicidade nestas plataformas.

E eles estão certos. Na verdade, a segmentação é muito precisa nesses meios de comunicação. Facebook, Instagram, Tiktok etc, coletam uma quantidade significativa de informações sobre os usuários. Como resultado, eles são capazes de oferecer a você um direcionamento para o seu público com base em seu comportamento.

Marketing de afiliados

O marketing de afiliados segue o princípio do boca-a-boca. Consiste em pagar aos proprietários de blogs (afiliados) para recomendar uma oferta do seu produto. A afiliação permite, assim, que uma empresa (a afiliada) obtenha links de entrada em seu site e aumente seu tráfego. Em troca, os afiliados recebem uma comissão quando um usuário da Internet clica no link e faz uma compra no site do afiliado.

E-mail marketing

O e-mail é um elo forte do marketing digital, pois mantém contato com um cliente em potencial que forneceu seus dados. Com isso em mente, você pode:

  • Dar as boas-vindas a um novo assinante de uma newsletter;
  • Oferecer-lhe novidades ou ofertas promocionais para desencadear uma venda;
  • Notificá-lo de novas notícias;
  • Informá-lo sobre eventos importantes.

O e-mail marketing também é usado para se comunicar com sua base de clientes. Usado com sabedoria, ajuda a reter clientes e a ativar clientes inativos.

Publicidade nativa

Inundados pela publicidade, os usuários da Internet não prestam mais atenção. A maioria bloqueia anúncios online, outros não clicam mais em banners promocionais. A solução para despertar o seu interesse? Publicidade nativa.

Como um camaleão, o conteúdo publicitário se baseia na decoração do site que o hospeda para não deteriorar a experiência do usuário. Ele é encontrado nas redes sociais, como um simples post com a menção «link patrocinado». Em um blog, ele se apresenta como um post comum com uma pequena marcação de «publicidade».

A importância do marketing digital

É fácil de imaginar porque o marketing digital está se tornando essencial para as empresas. Impossível ignorar o canal digital quando você sabemos que a Internet já é acessível em 90,0% dos domicílios do país em 2021 de acordo com o IBGE.

Assim, a web oferece uma enorme oportunidade para ganhar visibilidade. Além disso, o marketing digital permite que uma empresa esteja constantemente acessível na web, ao contrário dos meios de comunicação offline. Permite alcançar 24 horas por dia, 7 dias por semana, um grande número de usuários da Internet e, portanto, potenciais clientes, nos quatro cantos do mundo.

Além disso, o digital impulsiona a relação com o cliente. Graças a esta ferramenta, é estabelecido um sentimento de proximidade e confiança entre consumidores e empresas. As mensagens passadas ao usuário da Internet são mais personalizadas e os serviços se tornam personalizados para se adaptar aos hábitos de consumo de todos. O resultado: altas taxas de satisfação e lealdade.

Outra boa razão para fazer marketing digital é a do custo. As plataformas usadas são muito mais baratas do que um plano de mídia na imprensa, na TV ou no rádio, cujos valores são inacessíveis para as PME. Com uma boa estratégia digital é possível se destacar na internet.